XXII Grande Festival de Folclore da Relva – Mostra Folclórica do Atlântico

Espetáculo Principal de Gala a 2 de Agosto de 2014 na Relva


PROGRAMA

  19:30 Horas – Cerimónia de entrega de lembranças no Centro Cívico e Cultural

 20:00 Horas – Concentração no Centro Cívico e Cultural da Relva – Todos os Grupos participantes

 20:30 Horas – Desfile Folclórico e Etnográfico pela Rua da Guiné (Lado Norte) e Rua de Cima

 21:00 Horas – Abertura do XXII Grande Festival de Folclore da Relva – Mostra Folclórica do Atlântico

 21:15 Horas – Início do XXII Grande Festival de Folclore da Relva – Mostra Folclórica do Atlântico, no Jardim 5 de Agosto, com a participação dos seguintes Grupos:

 – Rancho Folclórico da Casa do Povo do Livramento

– Grupo Folclórico Nossa Senhora da Graça – Porto Formoso

– Grupo Folclórico São Miguel – Ponta Delgada

– Grupo Coros y Danzas “Rosas del Azafran” – Região de Toledo – Espanha

– Rancho Folclórico Jovem Pauense – Água de Pau

– Grupo Folclórico da Fajã de Baixo

– Grupo Folclórico Quero Quero Casa dos Açores Rio Grande do Sul – Brasil

– Grupo Folclórico de Cantares e Balhados da Relva

 

24:00 Horas – Encerramento, seguindo-se convívio, no Salão Cultural e Recreativo de Nossa Senhora das Neves

Organização Junta de Freguesia da Relva Grupo Folclórico de Cantares e Balhados da Relva

 Cartaz 1Grupo Brasil, 2 Grupo Brasil, 4 Grupo Espanha, 2 Grupo Espanha, 12


Inscritos no XXXIII Rali de Santa Maria

É conhecida a lista de inscritos à participação no XXXIII Rali de Santa Maria, a ir para a estrada a 8 e 9 de Agosto.

A prova Mariense de 2014 tem uma extensão de 185,92 Km, dos quais 73,55 Km  em PEC’s cronometradas.

Estão inscritas 47 equipas, um bom número alcançado para a prova a contar para o Regional de Ralis que demonstra o interesse das equipas em competir em Santa Maria.

De salientar o número de participantes locais inscritos, que fazem um esforço para dar o seu contributo mesmo em época de crise.

 

Se não conseguir visualizar o ficheiro abaixo clique AQUI.

(Alguns Browsers não suportam ficheiros PDF)

Para ampliar favor clicar em  no canto superior direito do documento

INSCRITOS SANTA MARIA_net


Visitar os Açores e manter-se tecnologicamente ligado

Um dos destinos mais exóticos para visitar em Portugal é o arquipélago dos Acores. De origem vulcânica com 9 ilhas em que cada uma oferece diferentes atrações, com muita vegetação e beleza natural, um clima ameno e pessoas simpáticas e prestativas este é um destino a considerar para o turismo Português.

De todas estas ilhas pode conhecer, por exemplo, a ilha de Santa Maria. É uma ilha pequena (a Terceira menor do arquipélago) com uma área de cerca de 97km2 e onde habitam pouco mais de 5500 pessoas. Para uma escapadela romântica ou fugir ao stress de um ambiente citadino este local é perfeito. Com bastante vegetação, paisagens naturais de enorme beleza e uma gastronomia tradicional açoriana, bem como, tradições culturais de enorme valor histórico, certamente que é o local ideal para recarregar baterias.

As principais atividades na ilha são turismo, pesca e atividades aeronáuticas em que a agência espacial europeia (ESA) decidiu instalar uma estação de rastreio de satélites na ilha. No entanto, para um turista existem diversas atrações ao longo do ano que mediante o interesse também podem justificar a visita, como é o caso de algumas celebrações de cariz religioso, como as festas do Divino Espírito Santo e a homenagem à padroeira Nossa Senhora da Assunção. No Verão existem as praias que também são grande atração para a prática de desportos náuticos ou simplesmente para o lazer. Também no Verão os festivais atraem gente um pouco de toda a parte com festivais como Maré de Agosto, Maia Folk ou Santa Maria Blues.

Um dos auxílios que podemos ter nesta viagem é precisamente do smartphone através de apps em que permitem planear a viagem e auxiliar com localizações e atrações importantes. A importância das apps surge quando com o aparecimento dos smartphones e tablets o segmento de jogos e mais propriamente jogos de casino online tiveram um sucesso sem precedentes. Isto porque passou a ser possível visitar estes sites sem falhar torneios e experimentar jogos de casino como póquer, slots, roleta ou blackjack. Com este sucesso várias foram as empresas que se aperceberam que este Mercado oferece uma possibilidade de personalização e alcance que mais nenhum Mercado disponibiliza. Nesse sentido, surgem as apps de auxílio a viagens que permitem não só marcar a viagem como ajudar com gps, identificação de atrações, entre outras que neste caso não seriam necessárias.

Além disso, é sempre uma forma de estar conectado constantemente a redes sociais e aplicativos o que também é importante para onde quer que vá. Nesse sentido, visitar os Açores e mais propriamente a Ilha de Santa Maria permite que desfrute de várias opções num só local.

Texto enviado por um visitante.

 


Regata da Autonomia

Saiu este domingo de Vila do Porto mais uma edição da conhecida regata da Autonomia designada por Atlantis Cup, 

Santa Maria Faz novamente parte do itinerário da Atlantis Cup 2014m que junta velejadores de 3 continentes,vindos de sítios tão distantes como Estados Unidos da América e Macau e Europa.

A também conhecida como Regata da Autonomia passa por 4 ilhas do arquipélago dos Açores (Santa Maria, São Miguel, Terceira e Faial) e nesta edição junta 21 veleiros; 

A Atlantis Cup realiza-se desde 1987, tendo sido interrompida no ano de 1998 devido ao forte terramoto que atingiu as ilhas do Faial e do Pico. Organizada pelo Clube Naval da Horta, proporciona a quem nela participa o prazer de velejar em pleno Atlântico, num cenário de “cortar a respiração”.
Regata Atalntis Cup (9) Regata Atalntis Cup (11) Regata Atalntis Cup (12)

Downhill Pico Alto a contar para o Regional

Foram cerca de 25 participantes em várias classes que marcaram presença na prova mariense de Downhill. Á comitiva de pilotos micaelenses que participam simultaneamente na prova destinada ao grupo oriental e ao Regional da modalidade, juntaram-se  12 pilotos marienses, enquadrados na classe de promoção, atletas não federados.

Na manhã e tarde do dia 27 de Julho com um clima ameno a ajudar á competição, a resposta do publico mariense foi  muito positiva.

Num traçado do agrado de todos os participantes,  o grau de dificuldade esteve acessível para todas as classes em competição, os tempos obtidos, demonstram a rapidez que foi imposta nos trilhos idealizados pelos entusiastas marienses desta modalidade. A organização esteve cargo da Associação Regional de  Ciclismo, sendo o responsável pelo evento o Prof Luís Melo.

Das classificações  realça-se o excelente tempo do ainda júnior Rafael Calisto, 1m48s  que ao realizara o melhor tempo do evento obteve também  o primeiro lugar da categoria júnior.

 Assim nas categorias obtiveram-se as seguintes classificações:

 Elite:

1ºlugar Francisco Bettencourt – 1.51

2ª João Freitas – 1.56

3º João Machado – 1.56

 Juniores:

1ª Rafael Calisto-  1.48

2ª Roberto Camara  – 1.51

3º João Teixeira – 1.57

  Master :

1ªLuis Melo- 1.55

2ªPedro Carvalho – 2.24

3ª David Medeiros  – 2.41

 Cadetes:

Rui Janeiro – 1.56

 Promoção:

1ª Nuno Aguiar – 2.02

2ºRicardo Soares – 2.04

3ºHugo Carvalho – 2.06

 

(fotos José Fontes)

dh 179 dh 216 dh 235 dh 247 dh 263 dh 266 dh 270 dh 270_1 dh 299 dh 302